terça-feira, 31 de agosto de 2010

Intro - parte II

Quando retomei a atividade blogueira, depois de algo em torno de 6 anos longe dos escritos internéticos, pensei em construir um espaço em que pudesse registrar minhas andanças e, consequentemente, minhas impressões do cotidiano. Se é verdade que toda criação humana cria, ao mesmo tempo e dialeticamente, o próprio ser humano, devo admitir que tenho notado uma relativa evolução em tornar meu olhar mais acurado e reflexivo sobre o cotidiano. Não quero dizer com isso, que eu não tivesse já tal hábito. Mas agora sinto como se cada uma dessas impressões deixassem uma marca bem mais duradoura - ao menos até que eu consiga um meio de traduzi-las em palavras.

De alguma forma, percebo que isso tem se refletido no conteúdo deste espaço, que já começa a tomar forma e conteúdo. E como todo espaço dinâmico, este também não se limitará a impressões do cotidiano, desabafos viscerais, lamentos saudosistas e clamor pelo fim da indiferença dos seres humanos frente às desumanidades. Como se isso já não fosse suficiente para tomar o pouco tempo de que disponho, urge uma incursão por outros domínios. Espero dar conta de uma proposta tão ampla. Torço para que meus 3 ou 4 leitores gostem...

Um comentário:

  1. Sabe que eu tbm notei sua mudança sensitiva?! Ehh...o desejo é: q todos possam ter oportunidades nessa vida para "sofrer" tamanha evolução!

    =**** 'bloguero' e o player?? kkkkk

    ResponderExcluir